Herança Digital

Herança Digital: como funciona a transmissão de bens virtuais?

O artigo de hoje do blog ZT Informa busca compartilhar uma perspectiva ainda pouco considerada sobre assuntos envolvendo a herança.

É fato que a transmissão de bens após a morte do titular, como imóvel, carro ou outras propriedades, é embasada por leis e processos específicos.

Mas e quanto à chamada Herança Digital?
Especialistas do Direito Sucessório denominam dessa maneira “bens ou direitos utilizados, publicados ou guardados em plataformas ou servidores virtuais.” (Fonte: Direito Profissional)
A partir desse conceito, podemos considerar como elementos de Herança Digital contas em redes sociais, acessos de streaming, mídias digitais variadas (fotos, vídeos, blog), serviços contratados em plataformas virtuais, enfim, todo patrimônio que não exista no mundo físico.
Demandas relacionadas à transferência da herança formada por bens virtuais cresce no país na medida em que se consolida o uso da internet como meio primário para vários processos de vida.

No entanto, ainda não existe uma legislação específica que trate sobre o tema, conforme pontua o Dr. Giancarlo Fontoura Donato, sócio-fundador do Zanette & Trentin Escritório de Advocacia. Para decisões envolvendo Herança Digital, explica Donato, usa-se a legislação relacionada que compreende o Código Civil (Lei 10.406/2002), a Lei nº 12.965/14, denominada Marco Civil da Internet, e a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, que entra em vigor o mês de agosto.

Como proteger a Herança Digital?

Diante da nova realidade social, que passa obrigatoriamente pelos meios virtuais, é preciso encontrar maneiras de se adequar e garantir a sucessão desse tipo de bem.
Buscar formas de documentar o volume de conteúdo virtual, por meio de testamento ou planejamento de sucessão, é uma possibilidade a ser considerada, sugere o Dr. Giancarlo.
Vamos a um exemplo: digamos que o indivíduo seja proprietário de discos adquiridos via plataforma virtual, como a Amazon, moedas digitais, conta em rede social ou qualquer outro bem que só existe virtualmente: ele pode registrar em um planejamento sucessório para quem ou de que forma devem ser direcionados cada um desses elementos.
“A preocupação com esse tema ainda é muito recente e os meios jurídicos buscam se adequar a novas demandas sobre direito sucessório no meio digital”, reforça.

Importante esclarecer que, para fins de entendimento legal, a Herança Digital pode ou não ter valor financeiro. No caso de bens privados e de valor sentimental, mas sem potencial de monetização, o caminho é o inventário.
“Bens de cunho pessoal devem ser inventariados. Mas sempre cabe análise individual. Imaginemos o acervo de discursos de Leonel Brizola, por exemplo. Esse material pode ser entendido apenas como sendo de cunho pessoal? Vale a reflexão”, finaliza Donato.

Para estes e outros assuntos o Zanette & Trentin recomenda, procure sempre um advogado da sua confiança. Interpretações retiradas da internet não substituem as explicações de um bom profissional.

32 comentários em “Herança Digital: como funciona a transmissão de bens virtuais?

  1. Muito legal parabéns amores

    Curtir

  2. Carlos Antonio Gollo

    interessante o que nao inventam

    Curtir

  3. Fernanda Canilha

    morto rico é outro nivel

    Curtir

  4. Brenda Menogon

    que bacana

    Curtir

  5. Paula Ferraz

    bom mesmo é ser pobre nestas horas… meia furada ninguém quer ahahaha

    Curtir

  6. Kalin Fonseca

    Concluído: filho de analfabeto não tem esse problema

    Curtir

  7. Diana Bittencout

    Nossa que interessante.. tecnologia pós bater as botas kkk

    Curtir

  8. Veronica Nok

    bom saber agora quero o caderno de receita da minha vó vou cobrar da minha tia kkk

    Curtir

  9. Huli Pioneiro

    Eu que bebo depois ?

    Curtir

  10. Gostei da matéria parabéns

    Curtir

  11. Gabriel Flores

    👏👏👏👏

    Curtir

  12. Puxa q bacana

    Curtir

  13. Pobre não tem destas coisas 😂😂👏

    Curtir

  14. Muito bacana

    Curtir

  15. Gilberto Gomes

    Pobreza não tem esse problema 😂😂

    Curtir

  16. Odete Furlin

    Parabéns 🍾 super interessante esse blog

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: